Compilação Biologia I: 08/05 a 05/06

Dinâmica de população e das comunidades

POTENCIAL BIÓTICO:  crescimento em potencial do número de indivíduos de uma determinada espécie. Esse fator depende exclusivamente da taxa reprodutiva da espécie, sendo então um valor utópico. 

CAPACIDADE LIMITE: número máximo de sustentação à uma espécie pela natureza, pode ser alterada por fatores humanos ou naturais.

RESISTENCIA AMBIENTAL: condições que impedem o crescimento de uma determinada espécie aos valores de seu potencial biótico.

CURVA S: é a de crescimento populacional padrão, a esperada para a maioria das populações existentes na natureza. Ela é caracterizada por uma fase inicial de crescimento lento, em que ocorre o ajuste dos organismos ao meio de vida. A seguir, ocorre um rápido crescimento, do tipo exponencial, que culmina com uma fase de estabilização, na qual a população não mais apresenta crescimento. Pequenas oscilações em torno de um valor numérico máximo acontecem, e a população, então permanece em estado de equilíbrio.

CURVA J:  é típica de populações de algas, por exemplo, na qual há um crescimento explosivo, geométrico, em função do aumento das disponibilidades de nutrientes do meio. Esse crescimento explosivo é seguido de queda brusca do número de indivíduos, pois, em decorrência do esgotamento dos recursos do meio, a taxa de mortalidade é alta, podendo, inclusive, acarretar a extinção da população do local.

Relações ecológicas são interações percebidas entre espécies e/ou indivíduos. Podem ser classificadas em:

– Harmônicas: não trazem prejuízo aos envolvidos
– Desarmônicas: trazem prejuízo a pelo menos um dos envolvidos

– Intraespecífica: entre indivíduos da mesma espécie
– Interespecíficas: entre diferentes espécies

Exemplos de relações harmônicas:

  • Mutualismo: benéfica para ambos os envolvidos (+/+). É obrigatória.
    Ex.: Alga e fungo constituindo os líquens.
  • Protocooperação: benéfica para ambos os envolvidos (+/+). Não é obrigatória.
    Ex.: Pássaro que come os carrapatos do boi.
  • Comensalismo: relação na qual há benefício para um dos indivíduos, porém para o outro é indiferente (+/°)
    Ex.: Rêmoras no tubarão.

@inaeodara13

Sobre Manual do Jedi

Blog criado por @inaeodara13, aluna do 1º ano do Ensino Médio do Colégio Magnum em Belo Horizonte. Com fins educacionais, postaremos aqui memórias de aula, dicas de leitura e de filmes, resumos de livros, entre outros assuntos de interesse dos estudantes.

Publicado em 8 de junho de 2012, em Biologia I, Memórias de Aula. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: